Google+ Followers

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Simples Transmissor de FM


 Simples Transmissor de FM
O transmissor tem alcance de 50 metros quando alimentado com 6v, e seu sinal pode ser sintonizado em qualquer rádio FM. A antena é telescopia ou um pedaço de fio de 10 a 30 cm. A bobina L1 e formada por 4 espiras de fio 26 ou 28 em forma de 1 cm sem núcleo. O trimmer CV pode ser de qualquer tipo com capacitância máxima de 20 a 30 pF.
Os capacitores são todos cerâmicos, o transistor indicado e o 2N2222 ou a inda o 2N2218 para maior potência com alimentação de 9V ou qualquer que opere na frequência de 50 a 150 MHz.
Lista de material
Q1 BF494 ou equivalente
L1 ver texto
R1 e R2 10k
R3 4k7
R4 47R
C1 100nf
C2 C4 10nf
C3 4,7pf

Tabela de Fios Esmaltados



domingo, 9 de novembro de 2014

Relação entre medidas circulares e angulares


Relação entre medidas circulares e angulares
Em projetos que envolvem ângulos de fases ou rotação de peças móveis (Mecatrônica) é importante saber converter ângulos expressos em graus para radianos. A tabela e as relações a seguir, são úteis.
Dados: 360 graus = 2 π radianos
1 radioano = 57,2958 graus
Graus
Radianos
Radianos
0
0
0
15
π/12
0,26
30
π/6
0,52
45
π/4
0,79
60
π/3
1,05
75
5 π/12
1,31
90
π/2
1,57
120
2 π/3
2,10
150
5 π/6
2,62
180
π
3,14
270
3 π/2
4,71
360
2 π
6,28


Ponte H Mista


Ponte H Mista
A ponte H da figura1 controla motores de até 2ª com tesão de alimentação de 5 a 18V. os sinais nas entradas IN1 e IN2 determinam o sentido de rotação do motor e não podem ser ligadas ao mesmo tempo.
Lista de material
Q1,Q2 IRF240
Q3,Q4 TIP31
R1 a R4 1K

O IRF240


O IRF240
O IRF240 e um transistor Mosfets de potência de canal N;
Características:
Componente
Vds
Rds(on)
Ip
IRF240/640
200 V
0,18
18 A
IRF241/641
150 V
0,18
18 A
IRF242/642
200 V
0,22
16 A
IRF243/643
150 V
0,22
16 A
Dissipação máxima 125W e corrente máxima de gate (pulsando) 1,5A

Dimmer


Dimmer
O dimmer ou controle de potência para cargas de corrente alternada, pode ser utilizado com carga de até 1 A se os diodos da ponte forem o 1N4007. Para corrente maiores utilize os 1N5404 para 110V e 1n5407 para 220V, o SCR usado pode controlar até 3 A. observando que este circuito está ligado diretamente à rede elétrica, portanto cuido com choque elétricos!
Lista de material:
SCR TIC106B ou D conforme a rede elétrica
D1 a D4 1n4007 para corrente até 2A para corrente maiores utilizar o 1N5404/5407
1 Lâmpada néon
1 potenciômetro 100K
1 resistor de 10k
1 resistor de 47k
1 capacitor cerâmico de 150nf por 100V ou mais.


4N25


4N25
Um componente bastante utilizado para isolar circuito como, o primário do secundário de uma fonte de alimentação, a saída e entrada de dados de um PC. O 4N25 e um acoplador óptico com saída empregando foto transistor, suas características são:
Tensão direta no LED (Vf) 2,0 V (máx.)
Corrente continua direta no LED 60 mA(máx.)
Tensão máxima coletor-emissor no fototransistor (Vceo)30V(máx.)
Corrente máxima de coletor do fototransistor (Ic) 150mA
Tensão máxima de isolação 7500V
Corrente emissor coletor de (no escuro) 4N25/26/27 50nA 4N28 100nA

Caracteristica do Tic106


sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Tocando uma melodia “Brilha, brilha, estrelinha...”


O que você vai precisar
01 Arduino Mega
01 placa protoboard
01 piezo elemento
int speakerPin = 9;
int length = 15; // define o número de notas
char notes[] = "ccggaagffeeddc "; // o espaço representa uma pausa
int beats[] = { 1, 1, 1, 1, 1, 1, 2, 1, 1, 1, 1, 1,1, 2, 4 }; // define o tempo das notas
int tempo = 300;
void playTone (int tone, int duration)
{
for (long i = 0; i < duration * 1000; i += tone * 2)
{
digitalWrite (speakerPin, HIGH);
delayMicroseconds (tone);
digitalWrite (speakerPin, LOW);
delayMicroseconds (tone);
}
}
void playNote (char note, int duration)
{
char names[] = { 'c', 'd', 'e', 'f', 'g', 'a', 'b','C' };
int tones[] = { 1915, 1700, 1519, 1432, 1275, 1136,1014, 956 };// toca o som correspondente à nota
for (int i = 0; i < 8; i++)
{
if (names[i] == note)
{
playTone (tones[i], duration);
}
}
}
void setup()
{
pinMode (speakerPin, OUTPUT);
}
void loop()
{
for (int i = 0; i < length; i++)
{
if (notes[i] == ' ')
{
delay(beats[i] * tempo); // pausa
}
else
{
playNote (notes[i], beats[i] * tempo);
}
delay (tempo / 2); // pausa entre as notas
}
}

Um LED pulsante

Neste projeto, o brilho de um LED irá variar de acordo com uma onda senoidal, a partir do controle de uma porta de saída de pulso modulado (PWM).
O que você vai precisar
01 Arduino Mega
01 placa protoboard
01 LED
01 resistor de 220 Ω
02 cabos jumpers
int ledPin = 11;
float sinVal;
int ledVal;
void setup()
{
pinMode (ledPin, OUTPUT);
23
}
void loop()
{
for (int x=0; x<180; x++)
{
sinVal = (sin(x*(3.1415/180))); // converte graus a radianos e obtém o valor do seno
ledVal = int(sinVal*255);
analogWrite (ledPin, ledVal); // define a saída PWM
delay(25);
}
}


Leitura de um sinal digital no Arduino


Leitura de um sinal digital no Arduino
Neste projeto, você deve construir um circuito que possibilite a leitura do estado de um interruptor (ligado ou desligado), enviando-o através de uma comunicação serial ao computador. A comunicação serial no computador é vista em uma tela à parte, que pode ser acessada pelo atalho Ctrl+Shift+M (Serial monitor).
O que você vai precisar:
01 placa Arduino Mega
03 cabos jumpers
01 interruptor
01 resistor 220 Ω
void setup()
{
Serial.begin (9600); // inicia a comunicação serial
pinMode (2, INPUT); // define o pino
}
void loop()
{
int sensorValue = digitalRead(2); // define variável
Serial.println (sensorValue, DEC); // envia valor para o serial monitor
delay (1000);

Explorando a programação
A linha Serial.begin (9600);inicia a leitura serial, a 9600 bauds.
A linha Serial.println (sensorValue, DEC);envia o valor da leitura do sensor para o monitor serial e salta linha ao final. Para que as entradas fossem publicadas em uma mesma linha, deve-se utilizar o comando Serial.print em vez de Serial.println.
Neste projeto, o monitor serial deverá exibir 0 quando o sensor estiver solto e 1, quando estiver pressionado.
Alterando o código
1 – Adicione um LED à porta 2 do Arduino Mega e altere o código para que o LED acenda quando o botão do interruptor for pressionado.
2 – Observe o seguinte código:
char nome[] = "ARDUINO";
void setup()
{
Serial.begin (9600);
}
void loop()
{
for (int x=0; x < 8; x++)
{
Serial.print (nome[x]);
delay (500);
}
}
observe a diferença entre os comandos Serial.printe Serial.println


LED Piscante


LED Piscante
Neste projeto, você aprenderá a criar um circuito simples usando um LED e um resistor e o fará piscar.
O que você vai precisar:
01 placa Arduino
02 cabos jumpers
01 resistor 220 Ω
01 LED

int ledPin = 10; // define a porta em que o LED está conectado
void setup()
{
pinMode (ledPin, OUTPUT); // define o LED como atuador
}
//essa parte da programação faz com que ela se repita
void loop()
{
digitalWrite (ledPin, HIGH); // liga o LED
delay (1000); // espera por 1000 milisegundos
digitalWrite (ledPin, LOW); // desliga o LED
delay (1000); // espera por 1000 milisegundos
}

Interface com TRIAC


Este circuito simples possibilita o controle de cargas de alta potência ligadas à rede elétrica a partir dos sinais da porta paralela de um computador. O elemento que possibilita este acionamento e o velho conhecido 4N25, deixando assim o resto do circuito isolado do restante.
O triac deve ser de acordo com a tensão máxima de trabalho, utilizando o sufixo B para tensão 110V e sufixo D para 220V.
Lista de material
1 triac TIC226 de acordo com a rede local
1 CI 4N25
1 resistor 330R
1 resistor 180R